Henrique Cayatte vai preparar circuito do futuro Museu Joaquim Agostinho

torres vedrasO designer português Henrique Cayatte vai ser o autor do circuito expositivo do futuro Museu Joaquim Agostinho, que a Câmara de Torres Vedras quer abrir ao público na cidade em 2016, informou hoje o presidente do município.

“Chegámos a um entendimento com o designer Henrique Cayatte no sentido de ser ele a organizar, num circuito expositivo, os conteúdos que já recolhemos “, disse Carlos Miguel à agência Lusa.

O autarca adiantou que é intenção abrir o futuro museu ao público em 2016, pelo que o município tem concluído o projeto de arquitetura para adaptação do refeitório da antiga fábrica Casa Hipólito, que foi adquirido pela Câmara, para espaço dedicado ao antigo ciclista.

No interior do edifício, está previsto um espaço para exposições temporárias e permanentes, não só com informação e espólio de Joaquim Agostinho, mas também de outros ciclistas do concelho, como João Roque, camisola amarela na Volta a Portugal de 1963, Joaquim Gomes, camisola amarela da Volta a Portugal em 1989 e 1993, ou Marco Chagas, vencedor da Volta em 1982, 1983, 1985 e 1986.

No exterior, vai ser criada uma zona de lazer dedicada à bicicleta, não só com esplanada e café, mas acima com exposição de bicicletas de várias épocas, pista de obstáculos e zona lúdica.

O município tem uma equipa de quatro pessoas a trabalhar, desde há quase um ano, na pesquisa e recolha de notícias e fotografias sobre o ciclista e na inventariação de espólio cedido por particulares e pela família, como troféus, camisolas amarelas ganhas e a bicicleta com a qual sofreu a queda que lhe causou a morte.

“Não queremos ter só um museu com os troféus e as camisolas ganhas, mas também um espaço de exposição interativa, que leve o visitante à descoberta”, afirmou Carlos Miguel.

A autarquia constituiu, também, uma comissão científica, presidida pelo ex-ministro da Educação e administrador da Fundação Calouste Gulbenkian, Marçal Grilo, e composta por nomes como os dos presidentes do Sporting e da Federação Portuguesa de Ciclismo e vários ciclistas nacionais.

Joaquim Agostinho, natural do concelho de Torres Vedras, nasceu a 07 de abril de 1943 e morreu a 10 maio de 1984, na sequência de uma fratura craniana resultante de uma queda durante a Volta ao Algarve, quando um cão se atravessou à frente da sua bicicleta.

O ciclista foi várias vezes camisola amarela na Volta a Portugal. Em 1972, foi quinto na Volta à Suíça e, nos anos de 1978 e 1979, conseguiu o terceiro lugar na Volta a França. Foi também 16.º no Campeonato do Mundo de Estrada, na década de 1960.

Enrique Cayatte é um ‘designer’ e ilustrador com vasto trabalho na área editorial que, além da sua ligação ao Público e à Expo98, foi também responsável pelo design dos Pavilhões de Portugal nas exposições universais Hannover2000 e Aichi2005.

Editorialmente, assinou o ‘design’ de uma coleção de clássicos da literatura portuguesa da Imprensa Nacional Casa da Moeda, e da obra ‘A Vida no céu’, do escritor José Eduardo Agualusa, entre outras publicações.

Integrou a direção do BEDA – Bureau of European Design Associations, tendo presidido ao Centro Português de Design, entre 2004 e 2012, sendo ainda conferencista e professor da Universidade de Aveiro e acumula várias distinções, entre as quais o Piranesi Prix de Rome 2010, por integrar a equipa do projeto de Musealização da Área Arqueológica da Praça Nova do Castelo de S. Jorge.

Fonte: Lusa

Você também pode gostar ...

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

1